Viagem à Edimburgo na Escócia

A nossa temporada aqui no Reino Unido está sendo muito positiva. Como estamos pertinho da Escócia, resolvemos ir até Edimburgo e conhecer um pouco da cultura escocesa.
Saimos de Londres na sexta à tarde e retornamos no final do domingo. Fomos de avião e voltamos de trem. Minha dica: se puder, vá e volte de trem.
Nosso vôo atrasou bastante e só conseguimos chegar na casa que alugameos pelo AirBnb no finalzinho da tarde. Por conta disso, não fizemos muita coisa na sexta.

Alugamos um apartamento muito legal e bem localizado no Airbnb na região de Abbeyhill. Pertinho da parada de ônibus, do supermercado Sainsbury, Tk Maxx e outras lojas, o apartamento era aconchegante e muito bem decorado. Se for a Edimburgo, aqui está a o link para o apartamento no AirBnb.

SÁBADO
Pela manhã, fomos conhecer o Castelo de Edimburgo! Simplesmente lindo e grandioso. O passeio durou cerca de 2h. A vista do alto da cidade é simplesmente magnífica e o frio congelante e o vento insistente não estragaram o passeio.
Vimos algumas das joias da coroa, as prisões, a capela e o museum militar. Dentro do castelo, há um café muito legal, com comidas variadas e com preço um pouco mais alto. Se bater a fome durante o passeio!
Valor do ingresso: £17 (adulto)
Site oficial: https://www.edinburghcastle.gov.uk/

Saindo do castelo descemos a The Royal Mile, rua turística principal da cidade, com inúmeras lojinhas de souvenir, restaurantes, museus a atrações turísticas, além da lojas que vendem roupas feitas com a famosa cashmere escocesa.

No almoço, comemos na Pizza Express bem pertinho da The Royal Mil. Foi o único lugar que aceitou, com facilidade, acomodar mesa para 7 pessoas. ☺

Já eram quase 15:30h, quando fomos conhecer o National Museum of Scotland.
Ele é bem grande, por isso só conseguimos explorar um andar!
Apesar de ter visto pouco, adorei. Nicholas se encantou com os animais, dinossauros, objetos antigos e curiosidades diversas. Tudo muito interativo!
Vale muito a pena a visita! Ah, não esqueçamos que os museus em Edimburgo são todos gratuitos.

À noite fomos ao restaurante escocês Dubh Prais. A entrada do restaurante é uma portinha que leva ao subsolo, super pequeno com apenas 6 mesas.
Pedi um peixe e para minha “felicidade” ele veio muita apimatado. Segundo a garçonete que nos atendeu, a palavra “Blackened” que acompanhava o nome do prato no cardápio quer dizer “com muita pimenta”. Ela não me conveceu, mas, pelo menos, não me cobrou pelo prato que não consegui comer. Rss
Então, quem for a Edimbugo e não gostar de comida apimentada, sempre pergunte ao garçom se seu prato vem com ou sem pimenta
Os outros pratos estavam delicosos.

DOMINGO
Passeamos pela Princess e George St. São as ruas mais movimentadas da cidade e a Princess St é ótima para compras.
Depois fomos ao Holyroodhouse Palace, residência oficial da Rainha Elizabeth II na Escócia. O palácio é lindo e de uma riqueza histórica sem tamanho!
O “audio guide” em português é gratuito!
Achei o tour bem organizado e bem interessante. Desde 1850, o palácio está aberto para visitação, achei isso fantástico. ☺
Durante o mês de julho, a Rainha Elizabeth II passa parte das férias de verão no Palácio, onde todos os anos oferece uma grande festa para 8000 convidados em média. O Palácio também serve como lugar de trabalho para visitas oficias de Chefes de Estado e Governo na Escócia.
O passeio pelo Palácio durou cerca de 90 minutos. E infelizmente não pode tirar fotos dentro do palácio.
Site oficial do Palácio: https://www.royalcollection.org.uk/visit/palace-of-holyroodhouse
Valor da entrada: £14 (adulto)

Após conhecer o palácio, passeamos mais um pouco no centro da cidade e retornamos a Londres de trem. A viagem durou de volta quase 5h e não achei cansativa. No trem você encontra um bar com sanduiches, chocolates, chips, cafés e bebidas quentes. Porém, caso queira, compre umas comidinhas antes de embarcar, já que é permitido trazer comidinhas e bebidas.

Então, o que falar de Edimburgo? Siimplesmente amei a cidade! A cidade é muito charmosa, é um daqueles lugares que parece um conto de fadas! Se você for no outono ou inverno, minha dica é ir bem agasalhado, com gorro, cachecol e luvas, pois venta bastante e, por isso, a sensação térmica pode ser bastante baixa.

Algumas dicas para quem vai conhecer:
1) Vá e volte de trem. As estação principal de trem de Edimburgo está localizada no centro da cidade. Os aeroportos, tanto em Londres como em Edimburgo são muito longe. No trem, os atrasos são raros, você não tem que passar por todos os procedimentos de segurança e não há restrição de bagagens. O valor das passagens é praticamente o mesmo.
2) Compre, com pelo menos 2 dias de antecedência, os ingressos do Castelo e do Palácio.
3) A dona da casa que alugamos pela Airbnb indicou 3 restaurantes escoceses: Scran and Scallie, Whiski Rooms e Stac Polly. Infelizmente não conseguimos mesa em nenhum deles. Todos lotados.
4) reservar restaurantes com antecedência. Tentei reserva para o mesmo dia em 6 lugares diferentes e não tive sucesso.
5) Sabemos que a Escócia é a terra do Whisky. Ouvi falar muito bem do Whisky Experience localizado no The Royal Mile, mas, como estávamos com duas crianças, não conferimos o lugar. (https://www.scotchwhiskyexperience.co.uk/)

Quem já conhece ou ainda vai conhecer Edimburgo, por favor, deixe aqui seu comentário. Ficarei contente em saber sua experiência.
Amanhã visitaremos Bruxelas! Já sabem: podem esperar novo post!

Beijos,
Marina

Palácio

National Museum of Scotland

Deixe um comentário

Seu email não será publicado.

*